Mulher é assaltada e estuprada na Cônsul Assaf Trad enquanto voltava para casa – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Mulher, de 43 anos, procurou a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) na tarde desta quinta-feira (19) após ter sido roubada e estuprada na noite de ontem. Conforme a delegada Sueli Araújo, responsável pelo caso, a vítima voltava para casa quando foi abordada por um homem na Avenida Cônsul Assaf Trad, no bairro Mata do Jacinto, em Campo Grande (MS).

Ao Campo Grande News, a delegada explicou que a vítima relatou ter saído do serviço após as 22h e estava a caminho de um ponto de ônibus na avenida. Enquanto cortava caminho pelo estacionamento de uma loja, com o ambiente escuro, o homem a abordou.

Ela foi levada para um terreno baldio e lá o homem disse que havia sido contratado para a roubar, exigindo seu celular. Mesmo com o celular em mãos, ele disse à vítima que ela teria que “pagar” e mandou que ela tirasse a roupa.

Em seguida, usando força e a ameaçando, o homem a estuprou e pouco tempo depois foi embora, dizendo para que ela também fosse. A mulher relatou que nunca viu o criminoso, que parecia ter cerca de 25 anos, ser baixo e ter traços indígenas.

O caso foi registrado como estupro e roubo e será investigado pela Deam. Por isso, a vítima irá passar por exame de corpo de delito ainda hoje e câmeras de segurança serão buscadas.

Para buscar atendimento em casos de violência, as mulheres podem ir até a Casa da Mulher Brasileira, que fica na Avenida Brasília, sem número, Jardim Imá. Os telefones disponíveis são 67 2020-1300 e 2020-1319. – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.