Negociações travam, e reforços pretendidos pelo Botafogo avaliam outros destinos

O início do ano parecia agitado para o Botafogo no mercado de transferências: Rafael Carioca, Elkeson, Luiz Adriano e Óscar Romero pipocavam no noticiário como nomes que o clube mantinha na mira. Porém, o período de transição para repassar o comando a John Textor adiou contratações, e os alvos acertam ou avaliam destinos longe do Nilton Santos.

À reportagem de ge, representantes de Elkeson afirmaram que, desde as declarações de John Textor, não houve contato para prosseguir a transação para contratar o atacante. O estafe do atleta admite que já conversa com outros clubes. Assim como o meia paraguaio Romero, que esperou por semanas uma proposta oficial que ainda não chegou.

Outra negociação interrompida aconteceu entre o clube o atacante Luiz Adriano. Enquanto tratava da rescisão com o Palmeiras, o centroavante debateu valores com a diretoria alvinegra. De novo, não houve possibilidade de oferta formal. A situação de Rafael Carioca sempre foi vista com mais cautela porque o jogador tem vínculo com o Tigres, do México. Sem o aval do investidor, ainda não houve avanço.

Elkeson defendeu o Botafogo em 2011 e 2012 — Foto: Wagner Meier / AGIF)

Elkeson defendeu o Botafogo em 2011 e 2012 — Foto: Wagner Meier / AGIF)

Reformulação em andamento

 

Isso tudo aconteceu porque o planejamento não ficou parado enquanto, nos bastidores, o clube acertava a venda de 90% da Sociedade Anônima do Futebol a Textor. Depois de buscar as primeiras apostas, Eduardo Freeland e a diretoria mapeavam o mercado à procura de nomes que dessem mais peso ao elenco. Em entrevista à Central do Mercado, Freeland cogitava a chegada de até cinco reforços em um período de 30 dias, mas a velocidade foi reduzida.

O Bota mudou a rota quando passou o comando para o investidor. A expectativa era que a chegada dos primeiros milhões aquecesse as negociações em andamento, apesar de a grana também estar separada para outras obrigações. A partir dali, a diretoria enviou ao americano uma lista de jogadores avaliados como interessantes. Luiz Adriano e Romero estavam entre eles. Assim como o volante Gabriel Pires, do Benfica, como informou o jornal “Lance!”.

Melhores momentos: Botafogo 4 x 2 Madureira pelo Campeonato Carioca 2022

Só que, em entrevista recente ao ge, Textor explicou que implementará um processo rigoroso de análise de dados antes de fechar reforços. O empresário idealiza mudanças na estrutura de futebol. Nas últimas semanas, ele participou de diversas reuniões e mergulhou de vez na realidade do clube para tomar decisões. A assinatura do empréstimo-ponte para o aporte inicial de R$ 50 milhões foi tratada simbolicamente como a passagem de bastão.

Agora, o americano também faz os próprios contatos na Europa para buscar reforços. Enquanto as diretrizes não estiverem 100% definidas, compras ou vendas estão suspensas. Foi o caso recente da proposta recebida pelo zagueiro Kanu.

Nos últimos dias, Textor chegou a brincar nas redes sociais sobre a possível chegada de uma promessa do FC Florida, mas, na verdade, a intenção é buscar atletas com qualidade e experiência para subir o nível do elenco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.