Com Andreas e Diego Rossi no mochilão, dirigentes do Flamengo chegam ao Rio na manhã desta quarta

Marcos Braz e Bruno Spindel terminaram o mochilão rubro-negro pela Europa nesta terça-feira. Deixaram Lisboa às 20h35 (de Brasília) e chegarão ao Rio de Janeiro no início da manhã.

O giro do Flamengo teve as cidades de Londres, Nice, Paris e Lisboa. O saldo foram dois acertos: com Andreas Pereira, que assinará contrato até dezembro de 2026, e Diego Rossi, emprestado pelo Los Angeles FC ao Fenerbahçe.

Braz e Spindel participaram da apresentação de Marinho, primeiro reforço do Flamengo no ano — Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Braz e Spindel participaram da apresentação de Marinho, primeiro reforço do Flamengo no ano — Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Na excursão europeia, Braz e Spindel deram prioridade à compra de Andreas Pereira junto ao Manchester United, que foi praticamente sacramentada na semana passada. Como faltavam detalhes burocráticos e a assinatura do novo contrato poderia inviabilizar a participação do volante na Supercopa do Brasil, marcada para domingo, o anúncio ficou para o início da semana que vem.

Flamengo também tentou a contratação de Everton Cebolinha após este sinalizar que gostaria de defender o clube. O desejo do atleta tornou-se obsessão de Paulo Sousa, que prioriza a contratação de um ponta veloz. Depois de algum tempo, Everton voltou atrás e optou por nem abrir negociações com os rubro-negros.

Com a negativa de Everton, o Flamengo partiu para o nome de Diego Rossi, uruguaio de 23 anos que teve destaque no Peñarol e no Los Angeles FC, dos Estados Unidos. Atualmente ele defende por empréstimo o Fenerbahçe. O acerto está bem encaminhado, e a contratação só não sairá se o Rubro-Negro desistir da mesma.

A viagem também permitiu à dupla monitorar a situação do volante Thiago Mendes, do Lyon, desejo antigo rubro-negro. Apesar de reiterar o interesse no jogador, não houve acerto até o momento.

Na França também foi discutida a situação de Thuler, atualmente emprestado ao Montpellier. O Flamengo buscou informações para saber se o clube pretende contratá-lo em definitivo. Voltou certo de que, caso o Montpellier não exerça a opção de compra, o zagueiro de 22 anos segue com mercado por lá.

Na Europa desde 4 de fevereiro, o Flamengo não voltou com o mochilão cheio, porém com acertos na bagagem e portas abertas para o futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.