Juíza concede liberdade provisória a homem preso com 800 fotos e vídeos de pornografia infantil em Manaus

A juíza Suzi Irlanda de Araújo Granja da Silva concedeu liberdade provisória, na noite desta quarta-feira (23), ao homem que foi preso com imagens de pornografia infantil em Manaus.

De acordo com a decisão, ele deve ser encaminhado à Central Integrada de Alternativas Penais (Ciapa) de Manaus, onde deve ser cadastrado e fazer acompanhamento psicológico por seis meses. A Justiça ainda determinou que ele participe do Projeto Reeducar.

Não há informações sobre quando o preso será liberado.

Prisão

 

O homem de 24 anos foi preso em posse de cerca de 800 fotos e vídeos de cunho pornográfico infantil, em Manaus, nessa terça-feira (22). No celular dele, a polícia também encontrou prints de conversas entre ele e algumas crianças – veja abaixo.

Investigações irão continuar para identificar as vítimas que aparecem nas mídias. — Foto: Divulgação

Investigações irão continuar para identificar as vítimas que aparecem nas mídias. — Foto: Divulgação

A delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), informou que as investigações iniciaram no dia 5 de janeiro deste ano, após denúncia de que um perfil feminino estaria compartilhando vídeos de pornografia infantil nas redes sociais.

Segundo a delegada, na ocasião da prisão, o suspeito alegou que o aparelho telefônico, em um determinado período daquele dia, estaria em posse de um familiar e comprovaria que não responsável pelas mídias.

Ainda conforme a delegada, durante as buscas no telefone, foram encontradas inúmeras imagens de cunho pornográfico, constatando o crime, além de prints de conversas entre ele e algumas crianças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.