Filha de 4 anos viu Crislaine ser morta com tiro na cabeça ao tentar fugir do ex-marido

O ex-marido ainda a chutou e a xingou após a morte

None
(Reprodução)

Frieza e crueldade, assim foi descrito José Barbosa pela delegada da Dam (Delegacia de Atendimento à Mulher) de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, Nelly Macedo, após o assassinato da ex-mulher Crislaine Célia Martins, de 34 anos, e de sua sobrinha Mariane Cristina Martins, de 22 anos, no domingo (6). Ele acabou preso pelos crimes.

De acordo com a delegada não é descartada a hipótese de que José tenha agido com premeditação, já que ele esperou que a ex-mulher estivesse reunida com a sobrinha e mais quatro amigas, a quem ele atribuía o fim de seu casamento afirmando que as mulheres teriam influenciado Crislaine.

José esperou a reunião das mulheres indo até o local de surpresa e passou a fazer várias acusações contra as vítimas, sendo que em  determinado momento, ele atirou contra a sobrinha da ex-mulher na cabeça e nas costas. Ele ainda tentou atirar contra duas amigas de Crislaine, mas a arma falhou.

Em Crislaine, José atirou contra seu abdômen e a mulher correu para seu apartamento sendo perseguida por ele por cerca de 20 metros. Dentro do apartamento estavam as filhas da vítima, inclusive, uma das filhas de José com Crislaine. O homem atirou na cabeça de Crislaine na frente da criança de 4 anos, segundo o site JP News.

Testemunhas relataram no dia que, após matar a ex-companheira, José teria chutado a cabeça da vítima enquanto proferia xingamentos, antes de ser preso. Ainda após o crime, José chegou a tentar se matar na frente dos policiais atirando contra a própria cabeça, mas a arma falhou. Como aparentava estar descontrolado, um policial militar conseguiu, com um disparo, atingir a arma que o autor segurava e assim prendê-lo. Ele disse que queria se vingar após descobrir uma suposta traição.

Após a prisão, ele confessou que tinha mais 11 munições em sua residência, que foram apreendidas. No revólver, havia quatro munições deflagradas e duas  intactas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.