Cão farejador ajudou a identificar mais de 90 bombas na guerra contra a Rússia, diz Defesa da Ucrânia

Animal foi batizado como Patron, que em ucraniano significa cartucho, e acompanha uma equipe do esquadrão anti-bomba em Chernihiv, no norte da Ucrânia.

 

Um cão farejador ucraniano ajudou a identificar mais de 90 bombas desde o início da invasão russa, disseram os serviços da Defesa da Ucrânia nesta semana.

O animal, que foi batizado como Patron, nome em ucraniano que equivale a cartucho – de munição, mesmo -, acompanha uma equipe do esquadrão anti-bomba em Chernihiv, no norte do país.

Na gravação, é possível ver o animal sendo preparado com um colete que tem seu nome bordado em alfabeto cirílico, antes de partir para o trabalho.

O pequeno Patron fareja bombas mais de dez vezes maior que ele. Em campo, ele parte em busca de artefatos que ficaram perdidos e também os que não explodiram.

O material encontrado representa um alto risco tanto para seus combatentes como para civis.

Chernihiv fica a 140 km da capital, Kiev, onde os combates seguem intensos. É nesta cidade que o governo ucraniano acusa as forças russas de terem matado civis em uma fila de pão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.