Ex-deputado estadual, Enelvo Felini deixa PSDB e se filia ao PDT

O ex-deputado estadual e ex-prefeito de Sidrolândia, Enelvo Felini deixa o PSDB após 15 anos de filiação e se filia ao PDT, conforme anunciou nas redes sociais, nesta quinta-feira (31). Ele é pré-candidato a deputado estadual nas eleições deste ano.

Enelvo disputou as eleições para a prefeitura de Sidrolândia em 2020, mas perdeu para Vanda Camillo (PP). No Facebook, o ex-deputado disse que deixa o PSDB após 15 anos.

Ele já foi filiado ao PDT. “Fui vice-presidente do partido no tempo de Onevan, Ary Rigo, Antonio Braga, Pedro Pedrossian, Frank Mazurra, Dagoberto Nogueira, Dr. Loester e Dr. Schmit. Sempre fui muito bem considerado na agremiação, chegando a ser vice-presidente estadual sob o comando do Sr. João Leite Schmit”, disse.

O ato de filiação no PDT está marcado para sexta-feira (1º), em Sidrolândia, às 19h. “Só tenho a agradecer ao PSDB durante os últimos 15 anos, onde tive a oportunidade de participar de várias campanhas, e agora retorno ao PDT junto a velhos amigos”, conclui.

Segundo Enelvo, no PDT ele foi prefeito por duas vezes e presidente da Assomasul. “Vamos apoiar o pré-candidato Eduardo Riedel do PSDB e no PDT, me identifico um pouco mais”.

O caminho contrário é feito pelo deputado federal Dagoberto Nogueira, que deixa o PDT após 30 anos e se filia ao PSDB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.