Zeca retira pré-candidatura ao Governo de Mato Grosso do Sul, anuncia diretório estadual do PT

Zeca do PT durante entrevista no estúdio do Jornal Midiamax. (Minamar Junior) – Zeca do PT durante entrevista no estúdio do Jornal Midiamax. (Minamar Junior, Arquivo)
O PT de Mato Grosso do Sul divulgou nota, nesta quarta-feira (6), afirmando que o ex-governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, retirou a pré-candidatura à sucessão estadual. Segundo o diretório, a liderança alegou motivos pessoais para tanto.

Assinada pelo presidente do PT em MS, Vladimir Ferreira, a nota cita que a executiva se reuniu na terça-feira (5), quando foi informada que o ex-governador, ‘por razões pessoais, está retirando sua pré-candidatura’.

Agora, as lideranças petistas vão ouvir os membros para, nos próximos dias, apresentar uma nova pré-candidatura. Anteriormente, o nome de Humberto Amaducci foi citado como um dos possíveis, mas ainda no contexto do ex-governador Zeca ser o principal.

Ainda de acordo com a direção do partido em MS, a necessidade de construção de uma aliança ‘no campo progressista, democrático e de esquerda’, para garantir palanque para o ex-presidente Lula, faz com se confirme uma pré-candidatura do PT ao governo estadual.

“Durante os últimos meses, conseguimos construir chapas representativas para Deputadas e Deputados Estaduais e Federais, temos três pré-candidaturas ao Senado, iniciamos a elaboração do nosso Programa de Governo”, traz um trecho da nota.

O Jornal Midiamax entrou em contato com o ex-governador Zeca do PT. Por mensagem, ele disse que está em reunião e pediu que a ligação seja retornada mais tarde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.