Cria de Xerém, Marlon Almeida assina primeiro contrato profissional com o Fluminense; multa chega a R$ 255 mi

Cria de Xerém, o atacante Marlon Almeida assinou, na última segunda-feira, seu primeiro contrato profissional da carreira. No Fluminense desde os 10 anos de idade, o jogador firmou um vínculo de quatro anos, e a multa rescisória é de 50 milhões de euros (cerca de R$ 255 milhões).

Aos 17 anos, Marlon assina contrato com duração superior a três anos, mesmo com a regulamentação da Fifa que limita a este período o contrato de jogadores menores de idade. O Fluminense se baseia na Lei Pelé e de um aval da Fifa para fazer acordos maiores com jogadores entre 16 e 18 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.