Análise: mudanças no segundo tempo salvam o Fluminense de noite terrível no Maracanã

A vitória em cima do Vila Nova por 3 a 2, com os três gols saindo após os 20 minutos do segundo tempo, acabou se tornando um grande resultado para o Fluminense, no primeiro jogo da terceira fase da Copa do Brasil, por tudo que foi construído até então na partida.

Depois de estar perdendo por dois gols de diferença em casa, no Maracanã, no confronto de ida competição, com direito a uma atuação terrível e vaias da torcida,

Sem Cris Silva, que não atuou por estar gripado, Pineida ganhou a vaga na lateral-esquerda. Com o objetivo de preservar Ganso da maratona de jogos, o técnico Abel Braga mandou a campo no primeiro tempo um Fluminense sem homem de criação, com Arias mais recuado do que vem atuando normalmente, tentando fazer a função de armador. Com dois zagueiros, mas três atacantes, com Bigode, Luiz Henrique e Cano na frente.

Não deu certo!

Fluminense teve a bola, mas não agrediu por sofrer com velhos problemas: laterais que não cruzam na área, meio de campo pouco funcional e zagueiros responsáveis pela ligação direta com o ataque. Muito bem organizado, o Vila Nova foi melhor taticamente e encontrou o gol após uma pressão.

Depois de cobrança de escanteio na área, Rafael Donato, sendo marcado por Pineida, subiu sozinho e abriu o placar. O Vila Nova só não foi para o intervalo com placar mais elástico porque Wagner, ex-jogador tricolor, não aproveitou um contra-ataque rápido na reta final.

Na segunda etapa, Abel Braga retornou com Ganso e Caio Paulista no time. As mudanças deram gás novo ao Flu, que ganhou mobilidade com o camisa 10 e passou a sufocar a equipe goiana com um controle maior do meio de campo.

Porém, quando o Fluminense vivia o melhor momento na partida, Alex Silva conduziu com liberdade pela direita e encontrou Pablo Dyego na área para fazer o segundo em uma clara falha defensiva tricolor.

Apesar do segundo gol, o Fluminense não se entregou, seguiu com mais volume de jogo e acabou vendo Willian Bigode ser derrubado na área por Renato. A arbitragem marcou o pênalti.

Mesmo com Cano em campo, Ganso pegou a bola e colocou o time novamente na partida ao mandar para o gol, que renovou o espírito da equipe e da torcida, que tinha começado a protestar no estádio.

Abel, então, mandou Fred e Marlon para o gramado. Atuando pela primeira vez na temporada, o lateral esquerdo precisou de apenas um lance para cobrar mais oportunidades diante das deficiências nas laterais. Cruzou na área para Fred, que acabou deixando a bola passar para Cano empatar a partida.

Aos 42 minutos, Fred – que ainda não tinha marcado este ano – fez história e salvou o Fluminense. O camisa 9 recebeu passe de Nonato e mandou para a rede. O gol, o trigésimo sétimo do atacante na Copa do Brasil, o fez assumir a artilharia isolada da história da competição.

“Conseguir essa virada foi especial para a gente. Lógico que não era esperado esse susto, mas dentro do contexto da partida, foi uma grande partida para a gente”, Fred

Todos os gols de Fred na Copa do Brasil, o maior artilheiro na história da competição

Em um jogo que o Fluminense caminhou a passos largos para se complicar na Copa do Brasil, mas que deu mostras que tem recursos, fica a sensação que o time tem boas peças e pode, sim, almejar mais. Pode, sim, jogar mais.

Mas, ao mesmo tempo, também vem a pergunta: com todo o desgaste e a necessidade de poupar jogadores, a equipe terá perna para seguir disputando três competições ao mesmo tempo com um elenco limitado em vários setores?

O primeiro tempo foi, mais uma vez, muito preocupante, e a vitória não pode mascarar isto.

Como somente o tempo poderá responder, os jogadores ganharam um dia de descanso nesta quarta-feira, após a sequência de jogos que o clube vem enfrentando. No sábado, às 19h, também no Maracanã, o Fluminense enfrenta o Internacional pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

O segundo confronto com o Vila Nova acontece no dia 11 de maio, às 21h30 (de Brasília), no Serra Dourada, em Goiânia. O Flu terá a vantagem de jogar pelo empate.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.