Lewis Hamilton e Serena Williams se juntam em oferta para comprar o Chelsea

Chelsea está à venda sob administração do banco comercial americano Raine Group em nome de Roman Abramovich. O oligarca russo está sofrendo sanções por causa da invasão da Rússia à Ucrânia e, por isso, colocou o time em leilão.

Lewis e Serena entraram como possíveis investidores na oferta de Martin Broughton, ex-presidente da companhia aérea British Airways. Presidente da federação internacional de atletismo (World Athletics), o campeão olímpico Sebastian Coe é mais um coinvestidor. A proposta do grupo é uma das três finalistas, mas não está claro quando a venda vai ser efetivada.

Serena Williams já é investidora do Los Angeles’ Angel City FC, time americano feminino de futebol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.