Mulher vítima de agressão doméstica morre e namorado é preso em Sete Quedas

Homem de 29 anos foi preso, nessa sexta-feira (21), em Sete Quedas, acusado de espancar e matar Marli Fonseca Tavares, de 38 anos, em dezembro de 2021.

De acordo com o site O Pantaneiro, a mulher deu entrada no hospital no dia 29 de dezembro, apresentando sinais de violência doméstica.

Entretanto, devido à gravidade dos ferimentos, o hospital da cidade acionou a Polícia Civil, que confirmou o ocorrido.

Ao ser interrogada, ela informou que mantinha uma relação com o acusado há quatro meses e que as agressões começaram no dia 25 de dezembro, em uma chácara, e continuaram na residência do casal até o dia 29.

A mulher não quis continuar internada e deixou a unidade de saúde. Porém, dias depois, ela apresentou complicações das lesões sofridas e foi internada novamente.

No dia 15 de janeiro ela não resistiu e morreu. O delegado da cidade, ao investigar que o autor poderia fugir da cidade, decretou a prisão preventiva do acusado, sendo capturado nessa sexta-feira (21).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.