Líder comunitário é denunciado três semanas após ser pego com cocaína no São Conrado

O líder comunitário, Robson José Ximenes, 31 anos, foi denunciado pelo Ministério Público Estadual, por tráfico de drogas. Ele foi preso no dia 4 de janeiro, com 41 kg de cocaína, em uma casa, no bairro São Conrado.

Conforme a denúncia, assinada pelo promotor de Justiça, Rogério Augusto Calábria de Araújo, a Polícia Militar fazia rondas no bairro, quando viu José Torres Júnior, sair de uma residência, em um carro Prisma, em alta velocidade.

Ainda segundo a denúncia, o veículo foi abordado e não tinha nada de ilícito. Foi descoberto que o carro era de Robson e a polícia voltou ao local onde o carro saiu. Os militares foram autorizados a revistar a casa, onde foram encontradas quatro caixas com cocaína, que pesaram 41,65 Kg da droga.

Questionado, Robson preferiu o silêncio. Já José disse que prestava serviço para o comparsa há três meses e, junto de Ximenes, foi buscar uma doação no bairro Santa Luzia.

As caixas com a droga, diz Torres, foram colocadas no porta-malas e ele não viu o que tinha. A ‘’doação’’ foi retirada do carro e deixada na casa, mas não foi aberta.

Consta na denúncia, que a Polícia Civil pediu autorização para que a droga apreendida com os dois denunciados fosse incinerada. O MPE opinou pela autorização, mas depende de decisão judicial.

Nesta fase, cabe à Justiça aceitar ou não a denúncia por tráfico de drogas contra os dois.  A denúncia foi assinada em 25 de janeiro de 2022.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.