Palmeiras bate o martelo e não vai negociar Giovani com o Ajax no fim da janela holandesa

 

Assine agora


 

 

00:00/00:00

 

ASSISTA AO VIVO: TUDO SOBRE AS NEGOCIAÇÕES

Palmeiras definiu que, apesar da insistência do Ajax, não vai negociar Giovani agora. A janela para registro de novas contratações na Holanda e principais países da Europa fecha nesta segunda-feira. O clube decidiu que vai manter todos os seus jogadores no momento.

O time europeu sonhava com o garoto de 18 anos de idade e chegou a sinalizar com uma oferta que poderia render até R$ 100 milhões ao Verdão, levando em conta bônus por metas atingidas por Giovani na Holanda. A posição da presidente Leila Pereira, porém, foi de não fazer negócio.

 

 

00:00/00:45

 

Veja golaço de Giovani na final da Copinha

A pessoas próximas, a dirigente chegou a afirmar que só iria liberar o campeão da Copa São Paulo mediante o pagamento da multa de 60 milhões de euros (R$ 357 milhões na cotação atual). Quanto a jogadores do elenco profissional, o clube já havia sinalizado que não faria vendas antes do Mundial.

Os empresários e familiares de Giovani ficaram balançados com o interesse do Ajax, que chegou a melhorar duas vezes a proposta para o Palmeiras, mas todas foram recusadas.

Ainda que o técnico Abel Ferreira tenha dito que os vencedores da Copinha dificilmente terão espaço agora no time profissional, a diretoria entende que o atacante canhoto ainda tem muito potencial para o futuro no clube.

Giovani durante treino do Palmeiras na Academia de Futebol — Foto: Cesar Greco

Giovani já teve experiência no time profissional na temporada passada e se sente pronto para ter sequência definitivamente.

No momento, porém, o treinador português o coloca atrás de Breno Lopes, Gabriel Veron, Rony e Wesley, jogadores de velocidade do elenco do Palmeiras.

Aos 18 anos de idade, Giovani renovou recentemente até o fim de 2026 e recebeu um aumento salarial. Por enquanto, ele deve permanecer no time sub-20, com participações pontuais no grupo principal, como já aconteceu no ano passado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.