Medo aumenta e família paga recompensa por informações sobre adolescente Victória

Victória Santos Barino, 13 anos, continua sumida da família, neste domingo (1º), em Campo Grande. Ela desapareceu no dia 28 de abril, quando deveria ter ido à Escola Municipal Arlindo Lima. Sem notícias, o desespero da família, que mora nas Moreninhas, aumentou e por isso oferece recompensa.

”Cada dia estamos com mais medo de alguma coisa ruim ter acontecido”, desabafa a familiar, ao dizer que não houve mais notícias da adolescente.

Sendo assim, para ter mais engajamento na procura da menina, os familiares decidiram ofertar uma quantia de recompensa.

A tia detalha que, na noite que sumiu, Victória mandou um áudio por meio das redes sociais, tranquilizando a família.

”Ela mandou para uma amiga da mãe dela. Ela pede para não chamar a polícia e isso a gente fica com mais medo”, refletiu a parente.

Sumiço 

A adolescente saiu com a avó, na manhã de 28 de abril, onde acompanhou a familiar até o trabalho dela, na rua 13 de Maio, no Centro. No início da tarde, saiu para ir à Escola Municipal Arlindo Lima, onde estuda.

Ainda segundo o relato dos parentes, a avó saiu do serviço e foi até à escola buscar Victória. No entanto, foi informada que a jovem não entrou na unidade escolar. Os familiares ficaram abalados e iniciaram as buscas.

A polícia fez rondas pela cidade e tenta localizar a menina, que segundo a família, estava trajando uma calça jeans clara, camisa preta, chinelo rosa e uma mochila cor vinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.